MENU

28/11/2017 às 22h30min - Atualizada em 28/11/2017 às 22h30min

Prefeito de Água Limpa é acionado por nepotismo

Cristiani Honório / Assessoria de Comunicação Social do MP-GO)
Foto Reprodução

O promotor de Justiça Rodrigo Bolleli propôs ação civil pública por ato de improbidade administrativa contra o município de Água Limpa e o prefeito Valdir Inácio do Prado, requerendo também a anulação das contratações irregulares feitas pelo gestor e que caracterização situação de nepotismo. Ao todo, são nove o número de pessoas mantidas em cargos comissionados parentes de agentes públicos no município.

O promotor observa que, em setembro deste ano, recomendou ao prefeito que exonerasse sete servidores comissionados e outros que estivessem irregulares, devendo rescindir os seus contratos em 30 dias e adotar medidas que coibissem o nepotismo no âmbito do Executivo.

Em resposta Valdir do Prado informou ter demitido oito servidores, mas manteve em cargos comissionados outros nove irregulares, sendo eles parentes de gerentes, superintendentes e secretários municipais ou de outros comissionados.

Na ação, o MP requereu liminarmente a exoneração desses servidores e a condenação do prefeito nas sanções previstas na Lei de Improbidade Administrativa e a declaração de nulidade da contratação e admissão ilegal. 


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Contato pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco.