MENU

21/06/2020 às 18h35min - Atualizada em 21/06/2020 às 18h35min

Shoppings de Goiânia preparam-se para abrir na segunda

Mais Goías
Reprodução
Shopping de Goiânia (Foto: Reprodução)

Shopping de Goiânia (Foto: Reprodução)

Fechados desde que entrou em vigência decreto estadual com medidas para conter a pandemia de covid-19, os shopping centers de Goiânia fazem os últimos preparativos para reabertura, depois de três meses, nesta segunda-feira (22). A retomada das atividades para o segmento foi permitida após decreto municipal publicado na última sexta-feira (19).

Os shoppings devem seguir alguns protocolos para a reabertura. Devem, por exemplo, permitir o acesso de apenas 30% da capacidade total de clientes no estabelecimento. Além disso, irão funcionar em horário reduzido, das 12h às 20h. Os clientes terão que usar máscaras e a temperatura aferida. 

As praças de alimentação devem funcionar, por enquanto, apenas nas modalidades de drive-thru, delivery (entregas) e take-away (pegue-e-leve).
 

Os cinemas, fraldários, empréstimos de carrinhos continuam sem funcionar.

Shoppings

O Flamboyant, por exemplo, instalou cancelas automatizadas, assim o consumidor não precisará tocar o botão para pegar o cartão de estacionamento. Haverá também, em todos os acessos de entrada, tótens com álcool em gel 70%. 

Os filtros de ar condicionado foram trocados e o ambiente todo sanitizado. Nas escadas rolantes, haverá espaço mínimo de cinco degraus entre cada usuário.

O Goiânia Shopping informou, por meio das redes sociais, que todos os banheiros foram limpos com solução de ozônio, além de realizar a higienização constante de toda a área comum. Os tickets das cancelas também serão automáticos, sem a necessidade do toque para a retirada e o protocolo do distanciamento das escadas rolantes também será usado. 

Haverá ainda distância entre os carros estacionados.

Pressão

Além dos shoppings, o decreto mudou regras para abertura do comércio varejista, centros comerciais e profissionais liberais. A região da 44 poderá voltar a funcionar a partir do dia 30 de junho, como um “shopping a céu aberto”. Ainda não estão autorizados o funcionamento de bares, restaurantes e academias.

 

A liberação da retomada aconteceu após vereadores anunciarem projeto de lei para suspensão dos decretos do Executivo municipal.

De acordo com boletim divulgado no sábado (20), Goiânia chegou a 5.035 casos de covid-19. Destas, 165 permanecem internadas. São 111 mortes provocadas pela doença causada pelo coronavírus. A pasta confirmou ainda que 4.102  se recuperaram da infecção na capital.


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Contato pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco.