10/07/2023 às 12h39min - Atualizada em 12/07/2023 às 00h00min

Etiene Medeiros visita seleção brasileira de futebol feminino na Austrália

Nadadora pernambucana esteve na concentração do Brasil, em Gold Coast, onde a equipe se prepara para a estreia na Copa do Mundo

Doro Jr.
Conhecer de perto as jogadoras da seleção brasileira de futebol, levando incentivo e boas energias para as meninas que representarão o Brasil na Copa do Mundo Feminina, na Austrália. Foi assim o domingo (9) para a nadadora pernambucana Etiene Medeiros, que está passando um período em Gold Coast, local da concentração do Brasil na preparação para o torneio. Etiene marcou presença no treinamento da equipe, sendo recebida pelas atletas. E até arriscou uma 'altinha' com Tamires, Kerolin e Gabi Nunes.

A nadadora ficou emocionada ao saber que está em um dos vídeos motivacionais do grupo para a disputa. Etiene tem uma história de superação e sucesso dentro e fora das piscinas, buscando servir de exemplo no esporte e fora dele.

"Um momento muito, muito especial para mim. É muito bom saber que deixou seu legado, sua história. Muito feliz pelo convite, por ter participado desse dia da preparação do Brasil. Estar aqui, olhando de perto, é uma outra vivência. Sem falar na possibilidade de conhecer as meninas e poder mandar um pouquinho da energia", afirmou a pernambucana, que tem a companhia do marido, Fábio, durante sua permanência na Austrália.

Etiene estará na torcida por bons resultados da seleção na Copa do Mundo. A estreia no Mundial da Austrália será no dia 24, contra o Panamá, no Hindmarsh Stadium, em Adelaide.

"Futebol é algo que traz muita energia e muita positividade, um trabalho coletivo. E quando a gente olha o verde e amarelo, se identifica. Acordei e falei: vou colocar tudo verde e amarelo e a bandeira de Pernambuco. Isso é muito importante, estar torcendo pelo Brasil. Somos brasileiros e estamos sempre juntos em equipe", garantiu Etiene.

"Eu estou em uma fase passando por várias experiências, do que é ser alta performance na natação, ser responsabilidade e ser exemplo. Então, para mim, é uma motivação muito grande estar junto com as meninas", explicou Etiene, fundadora do Instituto Etiene Medeiros (IEM), com sede no Recife (PE).

Etiene Medeiros - Primeira brasileira a conquistar uma medalha de ouro em um Mundial de Natação, Etiene está entre as melhores do mundo nos 50 metros costas há seis anos. Antes do título em 2017, em Budapeste (HUN), foi quarta colocada no Mundial em Barcelona 2013 e bronze em Kazan 2015. Ela também é bicampeã do mundo em piscina curta (Doha/2014, quando bateu o recorde mundial, e Windsor/2016), além da vitória no revezamento medley misto em 2014. Em 2019, acrescentou mais uma medalha em Mundiais, a prata nos 50 m costas. Única brasileira bicampeã pan-americana de natação - ganhou ouro nos 100 m costas em Toronto, em 2015, e nos 50 m livre em Lima, em 2019 -, Etiene soma nove medalhas no Pan, sendo quatro no Canadá e cinco no Peru.

Sobre o IEM - O Instituto Etiene Medeiros (IEM) contribui para a formação de crianças e adolescentes em situação de vulnerabilidade com aulas de natação, desenvolvimento de habilidades, cidadania, cultura e diversidade, além de acompanhamento psicossocial do grupo e encontros com nutricionista para orientações alimentares. Todas as atividades são realizadas no parque aquático do Centro Esportivo Santos Dumont, em Boa Viagem, Recife (PE), de terça a sexta-feira. Os alunos fazem parte da rede pública de ensino do Estado de Pernambuco e precisam participar de até 75% das atividades mensais do IEM para garantirem permanência no projeto.
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Corumbaíba Notícias  Publicidade 1200x90
Contato pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco.