17/05/2022 às 15h42min - Atualizada em 18/05/2022 às 11h30min

Etiene Medeiros integra Comissão Mulher no Esporte do Comitê Olímpico do Brasil (COB)

A nadadora - que voltou a treinar em São Bernardo do Campo (SP) - participou nesta segunda-feira (16) da primeira reunião do grupo, no Rio de Janeiro. Antes, no sábado (14), esteve na reinauguração do Instituto Serginho10

SALA DA NOTÍCIA Gustavo Coelho
O Comitê Olímpico do Brasil (COB) criou a Comissão Mulher no Esporte. E, entre os integrantes do grupo, está Etiene Medeiros. A nadadora pernambucana participou da primeira reunião da equipe, nesta segunda-feira (16), na sede do COB, no Rio de Janeiro (RJ). Etiene, que voltou a treinar no Sesi-SP de São Bernardo do Campo, na região metropolitana de São Paulo, destacou a importância da iniciativa.

"Muito importante, como atleta, ter recebido o convite do COB para participar da Comissão. É mais um passo que damos, não só para o esporte, mas também para a sociedade. Então, estar passando um pouco dessa vivência, escutando e falando do universo feminino é muito gratificante. O quanto eu puder somar, esclarecer, debater e entrar em discussões, estarei contribuindo", afirmou Etiene.

Fazem parte da Comissão, uma atleta de alto rendimento – Etiene -, uma treinadora esportiva – Martha Rocha, da Vela – e uma médica – Tathiana Parmigiano, ginecologista -, além da medalhista olímpica Isabel Swan – coordenadora da área Mulher no Esporte do COB – e representantes de áreas internas da entidade.

O objetivo da Comissão é fomentar a participação feminina e atuar em prol da igualdade de gênero, além de auxiliar no estabelecimento de políticas que propiciem a promoção e a capacitação da mulher no esporte. A expectativa é que o grupo se reúna a cada três meses.

Etiene na reinauguração do Instituto Serginho10 – O Jogo das Estrelas, em Osasco (SP), no sábado (14), marcou a reinauguração do Instituto Serginho10, agora com sede em Pirituba, tradicional bairro da Zona Norte paulistana. Etiene esteve presente, para apoiar essa nova etapa do projeto de Serginho, considerado o maior líbero da história do vôlei. O Instituto começou em 2019, na cidade de Guarulhos, na Grande São Paulo, e já atendeu 263 pessoas com aulas de vôlei, além do reforço de disciplinas como português e inglês. 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Contato pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco.