04/04/2022 às 09h48min - Atualizada em 04/04/2022 às 16h10min

“Bons de Bola” reúne instituições parceiras do IOK

SALA DA NOTÍCIA Clarice Tatyer
https://institutoolgakos.org.br/?doing_wp_cron=1649076488.7007670402526855468750
Divulgação

O “Bons de Bola” foi um projeto do Instituto Olga Kos que aconteceu no formato de campeonato de futsal. Em suas ações as equipes foram formadas por membros do CEU Campo Limpo, CEU São Mateus e do Centro Esportivo de Pirituba.

Sabemos que na cidade de São Paulo cada bairro tem a sua especificidade, o que evidencia a desigualdade. Assim pessoas de diferentes regiões vivenciam circunstâncias culturais e estruturais totalmente diferentes no que tange à mobilidade, ao saneamento, entre outros indicadores. A alegria da organização do IOK foi perceber que cada um dos participantes do “Bons de Bola” superou estas diferenças.

Beneficiários entre 06 e 17 anos puderam socializar entre si e entender o que é fundamental para o presidente do IOK, Wolf Kos, que afirma “ser diferente é normal”.

Nesta verdadeira celebração à diversidade, competidores com nanismo, pessoas com deficiência visual e auditiva; com síndrome de Down, autismo e em situação de vulnerabilidade social comemoraram suas diferenças através do esporte.

O projeto também despertou o senso de equipe, pois a primeira vitória foi a superação das diferenças que, neste contexto, não representaram barreiras e, sim, pontes.

“É importante destacar que é mais usual entre os participantes a prática dos esportes de artes marciais, porém, experienciaram o futsal e a maioria deles demonstrou amar a vivência”, destacou Janaína Lima do departamento de esportes do IOK.

Saiba mais

O “Bons de Bola” foi um evento no formato de campeonato de futsal para pessoas com e sem deficiência e em situação de vulnerabilidade social. A prática desenvolveu o senso coletivo e outras habilidades motoras como coordenação, lateralidade, agilidade e velocidade. Por meio do futebol, é possível trabalhar aprendizagens de cunho esportivo, social e, principalmente, inclusivo.  O futebol, para além de prática esportiva, também dialoga com questões sociais, culturais, históricas e políticas e, por isso, é um meio eficaz de trabalhar aprendizagens diversificadas.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Contato pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco.