06/03/2022 às 11h59min - Atualizada em 06/03/2022 às 11h59min

Mendanha confirma saída da prefeitura em março e revela desejo de ter uma mulher como vice-governadora

Ele afirmou que o dia 30 de março como o dia de sua renúncia frente a prefeitura de Aparecida

Mais Goiás
Reprodução

O prefeito de Aparecida de Goiânia, Gustavo Mendanha, já definiu a data para sair do cargo para concentrar-se exclusivamente na sua pré-candidatura ao Governo de Goiás. O anúncio foi feito durante uma live, na última terça-feira (1º), quando ele também disse que ainda não definiu o partido em que se filiará.

“No dia 30 de março estarei renunciando como prefeito de Aparecida para ser pré-candidato a governador do Estado de Goiás. Não tenho partido ainda, têm alguns partidos que me convidaram. Patriotas, Podemos, outros partidos, não defini ainda, tem vários partidos”, declarou Mendanha.

O prefeito agradeceu o apoio de políticos à sua pré-candidatura e disse que, após renunciar ao cargo, terá mais tempo para dedicar-se à pré-campanha de governador e intensificar as visitas políticas. “Tenho uma agenda administrativa para cumprir na cidade. Tenho alguns problemas para resolver ainda. Em breve vou estar mais tranquilo para poder viajar”, falou.

Apesar de estar focado na gestão municipal, Gustavo Mendanha revelou que não parou de conversar sobre política. “Depois de conversar com muitas pessoas, fazer pesquisas, para saber de fato o desejo da população de Aparecida e do Estado de Goiás, vou colocar meu nome à disposição do estado, obviamente depois de uma filiação”, reforçou.

Mendanha observou ainda que não lançou a pré-candidatura oficialmente porque não tem um partido. “Tenho de fato vários partidos que me convidaram, mas estamos ainda buscando aquele que ofereça um tempo de televisão, que é importante, todas as condições para que eu possa nesse ano, no período eleitoral, estar disputando o mandato como candidato a governador”, pontuou.

‘Tenho vontade de ter uma mulher na chapa como vice-governadora’

Por fim, o prefeito externou o desejo de ter uma mulher como candidata a vice-governadora em sua chapa. E mencionou o nome de Ana Paula, filha do ex-governador Iris Rezende, que, todavia, já disse que não pretende concorrer a cargo eletivo.

“A única coisa que eu posso dizer é que tenho vontade de ter uma mulher na chapa como vice-governadora. Eu vou até falar de uma pessoa que eu tenho sonho, ela diz que não vai disputar, mas, para mim, seria muito bom ter a Ana Paula, filha do nosso querido líder Iris Rezende Machado como candidata a vice. Sei que ela não vai disputar, mas fica aqui meu respeito ao legado do Iris, do Maguito, a todo o trabalho que fizeram pelo estado”, pontuou.


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Contato pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco.