MENU

02/12/2020 às 19h11min - Atualizada em 02/12/2020 às 19h11min

Prefeito e secretários de Edealina são presos em operação da Polícia Civil

Conforme a Polícia Civil, foram cumpridos, até agora, 9 mandados de prisão cautelar e 20 mandados de busca e apreensão

Dia Online
Reprodução

A Polícia Civil de Goiás deflagrou, na manhã desta quarta-feira (2/12), uma operação contra um esquema de fraudes em licitações em Edealina, a 138 quilômetros de Goiânia. O prefeito Vinicius Arantes (PSB), secretários e servidores da prefeitura foram presos durante a ação.

Conforme a Polícia Civil, foram cumpridos, até agora, 9 mandados de prisão cautelar e 20 mandados de busca e apreensão. Segundo a corporação, as investigações apontam para indícios de uma organização criminosa que atuava para direcionar e fraudar licitações da Prefeitura de Edealina.

A operação batizada de Burgomestre foi realizada por meio da Delegacia Estadual de Repressão a Crimes Contra a Administração Pública (Dercap). Mais detalhes ainda serão divulgados pela polícia.

A reportagem do Dia Online segue tentando contato com a Prefeitura de Edealina.

 


 
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Contato pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco.